Na contramão da história

Como descrever aquelas primeiras saídas de carro logo que aprendi a dirigir. Não vou dizer que senti pânico, mas, algumas manobras eram feitas sem muita noção de espaço e quantas coisas me passavam desapercebidas. Um dia meu instrutor de autoescola me disse: _ Você viu que você subiu encima do passeio da garagem daquele senhor? Respondi sem o menor peso na consciência pensando no que viria pela frente: Não! _ Pois é, você subiu e ele tava fazendo o passeio da garagem dele, cimentando! Meu professor, balançou a cabeça incrédulo, com um leve sorriso de ironia. Sim, porque rimos às vezes do que não entendemos _ já disse um filósofo. E para alguém que todos os dias está ao lado de quem não sabe ainda pilotar um carro, ruas são como os corredores de uma casa: algo bem familiar. Impressionava-me perceber como esses instrutores desenvolvem muito bem aquilo que é conhecido como atenção difusa. A capacidade de perceber o todo à sua volta e em movimento.

Acreditem, já parei encima da faixa de pedestres e recebi o olhar mais desaprovador de toda minha existência. Foi quase um tiro de canhão, disparado por uma jovem, seguido das palavras: tá todo errado! A gente ri de sem graça. Outra vez, mais pra confuso que difuso, entrei sem querer na contra-mão de uma rua. Ao perceber este inusitado fato, reconheci numa fração de segundos que, dar a marcha ré estava totalmente fora de cogitação. Fui avançando enquanto recebia de volta piscadas de farol, olhares de indignação, dentre outras reações que só me deixavam mais tenso. Ao passar colado a outro carro e muito, muito sério, o motorista soltou esta ao lado do seu colega passageiro: _ Aí, além de tá errado, fica fazendo cara feia! Sinceramente…!

Tudo isso foi só no começo, diga-se de passagem!  Hoje, já estou dirigindo a favor da história.

 Eduardo

17/10/12.

Anúncios

One Comment on “Na contramão da história”

  1. Horácio Fialho Moreira disse:

    Hi Edu! Realmente não é fácil, também me lembro bem das minhas primeiras saídas sozinho. Hoje, quando passo ao lado de uma auto-escola, fico pensando na dificuldade, pois o trânsito ficou bem mais complicado. Mas por outro lado, é uma sensação de liberdade legal, eu vou aonde quero acelerando esta máquina 🙂 Abraço!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s