Cenas num banco

dick_vigarista_mutley

Sabe quando um cara, um sujeito alto e forte, monopoliza a fila do autoatendimento pagando todas as contas do mês?

A cada boleta paga ele olhava levemente pelo canto do olho pra ver se alguém tava ficando incomodado. Nós, que vínhamos logo atrás, olhávamos para o teto, para os lados, pro relógio… e suspirávamos! Até que, ouve um momento, em frente à máquina, em que ele fez uma pose igualzinha àquela dos duelos de faroeste. Nessa hora eu tive a certeza: ele ia demorar mais!

Saiu sem dar satisfação a ninguém; afinal, quem paga suas contas, é ele!

* * *

A atendente com a maior presteza auxiliava a velhinha a sacar um valor . Ao final, disse:

_ A senhora, pelo amor de Deus, cuidado, guarda bem direitinho isso, porque, o que tem de vigarista na praça…! Confesso que, desde meu tempo de criança, quando assistia na TV à Corrida Maluca, não escutava a expressão.

A vovó assentiu com a cabeça, guardou seu dinheirinho num saquinho plástico, depois, num embornal de pano e, por fim, dentro da bolsa! E seguiu pela vida com “um vai com Deus!”. Em pensamento, eu disse “amém!”

12/07/15

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s